romance de soap opera

comecei um livro novo.

a ler ou a escrever? você nunca acaba nada, nem uma coisa nem outra.

eu gosto de viver perigosamente.

você sabe onde deixei meus óculos?

a escrever. a voz entra cada vez mais surda na orelha dela. ele foi buscar os olhos da outra no banheiro.

oi?

a escrever.

sobre o que?

não sei. não tenho ideia, na verdade.

livros precisam de um tema, já deveria saber disso.

temas são inventados depois. todo mundo que trabalha com criação sabe disso. suas coleções são todas feitas dessa maneira. temas são mentiras para vender jornal. é sobre um homem, um escritor que começa a esquecer as palavras.  chama um fantasma para terminar seu romance, mas o fantasma é americano. um ghost. o ghost mata o romance do escritor. mata a mulher. to finish the romance. os americanos estão acostumados a usar novel para designar romance no lugar de livro.

que mais?

não sei.

você tem que se imaginar na história. o que você faria?

chamaria outro ghost. de outra lingua. uma lingua morta. só uma lingua morta pode encontrar a pessoa morta.

ta vendo? você já tem uma história. vê se termina esse.

quer ir no cinema? ta passando aquele francês das mulheres, sapatos, a catherine deneuve e chiara mastroianni. mãe e filha fazendo mãe e filha. isso me dá uma ideia para um romance.

calenza 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Cinema, Literatura, QTPS com as etiquetas , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s